4 produtos derivados do bovino que vão além da carne

Matéria-prima advinda do gado amplia as possibilidades de negócio para produtores e frigoríficos.

 

Com o gado, nada se desperdiça, tudo se transforma. Os produtos bovinos vão muito além da carne, e o animal pode ser 100% aproveitado. Conforme a Embrapa, cerca de 50 segmentos industriais são beneficiados por subprodutos que utilizam matéria-prima originária de bois e vacas. Não é de hoje, que o homem se beneficia do couro para vestimenta e calçados, por exemplo. Mas as novas tecnologias vêm ampliando ainda mais o leque de possibilidades para o uso de todas as partes do boi, como osso, chifres, cérebro cascos e, principalmente, gordura.

Apenas em 2016, foram abatidos no Brasil 29,67 milhões de bovinos, responsáveis pela produção de 9,18 milhões de toneladas de carne. Números que podem ser revertidos em sustentabilidade para o uso de matérias-primas e ainda mais rentabilidade para os produtores e frigoríficos que resolverem apostar nas inúmeras possibilidades de negócios oferecidas subprodutos bovinos.

A variedade de itens é tão grande que é difícil imaginar rotinas diárias sem a presença do derivados bovinos: eles podem ser encontrados nos produtos de limpeza, cosméticos, vassouras, doces e muitos outros. A área da medicina também é bastante beneficiada: medicamentos, fios cirúrgicos, pomadas e cápsulas farmacêuticas são apenas alguns exemplos.

Entre tantas possibilidades, destacamos quatro delas: fertilizantes, produtos de limpeza, medicamentos e biodiesel. Confira o infográfico e saiba quais partes do bovino são responsáveis pela produção destes itens:

 

1 – FERTILIZANTES. Esterco, ossos e gordura animal são as opções de matérias-primas advindas do gado para a produção de fertilizantes. Em geral, os fertilizantes produzidos com material orgânico são muito procurados por melhorar as condições físicas do solo no que diz respeito à aeração, retenção de umidade e estrutura.

 

2 – PRODUTOS DE LIMPEZA. A gordura é o componente mais utilizado do bovino, para os mais diversos fins. Geralmente associada a soluções alcalinas, como hidróxido de sódio ou potássio, a gordura bovina serve como base para produtos como sabão, detergente e amaciante de roupa.

 

3 – MEDICAMENTOS. São várias partes do gado capazes de auxiliar na pesquisa laboratorial e na produção de medicamentos, tais como leite, órgãos internos, pele, gordura, sangue e cérebro.

 

4 – BIODIESEL. A gordura animal é a segunda principal matéria para a produção do combustível. Feito a partir de energias renováveis, é a principal alternativa hoje aos derivados do petróleo, principalmente por minimizar os efeitos da emissão de gases nocivos ao meio ambiente.

Atendimento via WhatsApp
%d blogueiros gostam disto: